Job Content

19/02/2024

A gastrite crônica é uma condição que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Apesar de ser comum, muitas vezes é mal compreendida. Neste artigo, vamos explorar o que é a gastrite crônica, seus sintomas e causas. Confira também estratégias eficazes de controle para melhorar a qualidade de vida dos afetados. Confira!

O que é gastrite crônica?

Muita gente passa ou já passou por uma crise de gastrite, certo? Em resumo, ela é aquela sensação persistente de desconforto e queimação que acontece quando a parede interna do estômago fica inflamada. 

Assim, uma das principais causas da gastrite crônica é uma bactéria chamada Helicobacter pylori, ou H. pylori, para abreviar. Essa bactéria pode se instalar no estômago e causar estragos, desencadeando inflamações persistentes. 

Desse modo, se não for tratada, a H. pylori, pode levar a problemas mais sérios, como úlceras e até câncer de estômago. Então, é bom ficar de olho nela.

A gastrite em si pode ser um problema não apenas por causa da dor e desconforto que ela gera, mas também porque a gastrite crônica pode atrapalhar a absorção de nutrientes. Quando o revestimento do estômago está inflamado, ele não funciona direito, e isso pode dificultar a absorção de nutrientes essenciais para o nosso corpo como ferro e vitamina B12, o que pode causar anemia e outros problemas de saúde.

O que ajuda na gastrite crônica? 

Agora que você já sabe que a gastrite pode ser problemática, especialmente por afetar a absorção de nutrientes, que tal saber como melhorar? Em geral, você pode dar uma força para o seu estômago e intestino com as cápsulas LL1 ricas em prebióticos e minerais essenciais. 

Essa é uma maneira natural e saudável de cuidar da sua saúde digestiva, mesmo quando as coisas no estômago não estão indo tão bem.

Isso porque os prebióticos das cápsulas LL1 são fibras que ajudam a promover o crescimento das bactérias boas no intestino preservando a microbiota saudável, que por sua vez podem melhorar a saúde digestiva e fortalecer o sistema imunológico. 

Ou seja, para quem tem gastrite, cuidar do seu sistema digestivo é essencial, e os prebióticos podem ser uma ajuda e tanto. Além de fortalecer a microbiota, os prebióticos podem melhorar a absorção de nutrientes no intestino, ajudando seu corpo a absorver de forma mais eficiente apenas o que precisa dos alimentos. 

As cápsulas LL1 também fornecem minerais como magnésio, selênio e zinco, oferecendo um aporte adicional de minerais essenciais que tem sua absorção prejudicada pela gastrite crônica e podem ajudar na recuperação do estômago. 

Afinal, o magnésio e o selênio desempenham papéis importantes na regulação do sistema imunológico e na redução da inflamação, ajudando a aliviar a inflamação na mucosa gástrica, que é uma característica da gastrite crônica. 

Além disso, o magnésio pode ajudar a relaxar os músculos do trato gastrointestinal, aliviando os sintomas de desconforto associados à gastrite. O zinco também desempenha um papel na regeneração das células do estômago e pode contribuir para a cicatrização e reparação da mucosa gástrica danificada pela gastrite crônica.

Com EFEOM você não apenas vive mais, você vive melhor!

A gastrite crônica pode ser uma condição debilitante, mas com os cuidados adequados e mudanças no estilo de vida, é possível controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida.

As cápsulas LL1 da EFEOM são uma opção interessante para incluir rotina de cuidados de saúde de pessoas com gastrite crônica adicionando nutrientes que fortalecem e recuperam a saúde gástrica, além de recuperar a microbiota saudável eliminando bactérias como a H. pylori.

Além disso, as cápsulas LL1 não são um medicamento e por isso não tem contraindicações. Vale lembrar que pessoas com gastrite devem fazer acompanhamentos individualizados com profissionais da saúde habilitados.

Confira mais sobre os benefícios das cápsulas através do nosso site. Para acompanhar novos conteúdos, acesse o Blog da Efeom

Fonte: Sousa C, Ferreira R, Azevedo NF, Oleastro M, Azeredo J, Figueiredo C, Melo LDR. Helicobacter pylori infection: from standard to alternative treatment strategies. Crit Rev Microbiol. 2022 May;48(3):376-396. doi: 10.1080/1040841X.2021.1975643. Epub 2021 Sep 27. PMID: 34569892.

Notícias relacionadas