Job Content

26/02/2024

Você já parou para pensar na importância do intestino para a sua saúde? Este órgão muitas vezes negligenciado desempenha um papel fundamental em nosso bem-estar geral. 

De fato, uma digestão saudável não apenas nos ajuda a nos sentirmos bem após as refeições, mas também afeta nossa imunidade, humor e até mesmo a saúde da pele. 

Pensando nisso, neste conteúdo, vamos explorar mais sobre o intestino, sua função vital e como podemos cuidar melhor dele para promover uma vida mais saudável.

Qual é a função do intestino?

Em geral, o intestino desempenha um papel fundamental na saúde do nosso corpo, e sua importância vai muito além da digestão dos alimentos. Assim, é parte do sistema digestório e responsável por absorver nutrientes dos alimentos que ingerimos, mas também desempenha várias outras funções essenciais para o funcionamento adequado do organismo. 

Por isso, o intestino é frequentemente chamado de “segundo cérebro” devido à sua complexidade e capacidade de funcionar de forma independente do sistema nervoso central. 

Isso ocorre porque ele possui um sistema nervoso próprio, conhecido como sistema nervoso entérico, que é composto por milhões de neurônios que regulam as funções intestinais.

Além disso, o intestino está intimamente ligado ao cérebro por meio do eixo neuro-imune-endócrino, que permite a comunicação entre os dois órgãos.

Qual a importância da microbiota intestinal?

A importância da microbiota intestinal nesse cenário é fundamental. Afinal, algumas bactérias da microbiota intestinal têm a capacidade de produzir vitaminas importantes, como a vitamina K e algumas vitaminas do complexo B. 

Essa produção auxilia no suprimento dessas vitaminas essenciais ao organismo. Além disso, a microbiota intestinal está intimamente ligada ao sistema nervoso entérico e ao cérebro. Ela influencia a produção de neurotransmissores, como a serotonina, que são importantes para o humor e o bem-estar emocional. 

Surpreendentemente, o intestino também produz cerca de 95% da serotonina do corpo, que é fundamental na regulação do humor e na saúde mental. Assim, a comunicação entre a microbiota e o cérebro ocorre por meio de sinais químicos e neurais, o que pode afetar o comportamento, o humor e até mesmo a saúde mental.

Como melhorar a saúde intestinal?

A disbiose intestinal, que é o desequilíbrio na composição da microbiota, pode levar a problemas de saúde, incluindo distúrbios gastrointestinais, inflamação crônica, alergias e até mesmo doenças neuropsiquiátricas, como ansiedade e depressão. 

Nesse contexto, os prebióticos como FOS e GOS das cápsulas LL1 desempenham um papel crucial para a saúde intestinal, pois são substâncias que servem de alimento para as bactérias benéficas da microbiota. 

Sendo assim, quando ingeridos, eles passam pelo trato gastrointestinal e chegam ao intestino grosso, onde são fermentados pelas bactérias, resultando na produção de ácidos graxos de cadeia curta, como o butirato. 

Já os minerais como zinco, selênio e magnésio das cápsulas LL1 são co-fatores para muitas enzimas que estão envolvidas em várias funções metabólicas, incluindo a produção de compostos benéficos pelas bactérias intestinais. 

Além disso, eles também podem fortalecer a integridade da barreira intestinal e reduzir a inflamação. Portanto, o intestino é considerado o “segundo cérebro” devido à sua complexa comunicação com o sistema nervoso central e à sua influência direta na saúde mental e emocional.

EFEOM LL1: Promove equilíbrio intestinal, revertendo a disbiose de forma natural

A microbiota é essencial para a saúde intestinal e desempenha um papel crucial nessa comunicação com o cérebro. Os componentes das cápsulas LL1 (prebióticos, zinco, selênio e magnésio) são importantes para promover um ambiente saudável no intestino, estimulando o crescimento de bactérias benéficas. 

Portanto, ao consumir regularmente as cápsulas LL1, podemos contribuir para uma microbiota intestinal saudável e melhorar a saúde geral do corpo e do cérebro. 

Como sempre, é importante buscar orientação de um profissional de saúde, para desenvolver um plano alimentar adequado às necessidades individuais e promover um ambiente saudável para a microbiota intestinal.

Confira mais sobre os benefícios das cápsulas através do nosso site. Para acompanhar novos conteúdos, acesse o Blog da Efeom

Fonte: Mayer EA, Nance K, Chen S. The Gut-Brain Axis. Annu Rev Med. 2022 Jan 27;73:439-453. doi: 10.1146/annurev-med-042320-014032. Epub 2021 Oct 20. PMID: 34669431.

Notícias relacionadas