efeom

04/10/2022

Tem dúvidas sobre o que é a silimarina? Saiba mais sobre o componente extraído de plantas que possui propriedades benéficas para nosso organismo.

A Silimarina é um suplemento natural encontrado nas sementes da planta cardo mariano, também conhecida como Silybum marianum. Ela pode trazer inúmeros benefícios para o nosso organismo, tendo função antinflamatória, antioxidante e hepatoprotetora. Continue a leitura e saiba mais sobre seus benefícios.

O que é Silimarina?

A Silimarina é um princípio ativo presente em uma planta nativa da Europa e da Ásia. Sendo essa substância uma mistura de flavonoides extraída das sementes de Silybum Marium. 

Ela é usada como remédio natural para uma série de enfermidades, principalmente aquelas que afetam o fígado e a vesícula biliar. Em sua forma natural a planta de cardo mariano é espinhosa, possuindo flores roxas distintas e veias brancas. 

Conheça os benefícios da Silimarina

A silimarina já é utilizada há séculos. E seus benefícios vão além da proteção do fígado: 

Ajuda no controle da diabetes do tipo 2

Recentemente, publicamos um artigo científico construído a partir de um estudo que demonstrou que o uso de silimarina foi capaz de diminuir a resistência insulínica. Ou seja, o uso do suplemento pode ser um poderoso aliado na recuperação da homeostase metabólica.

Ótimo para melhorar a função hepática

Há diversos estudos que demonstram a efetividade da silimarina na proteção do fígado contra danos causados por substâncias tóxicas, como o álcool e alguns medicamentos. Além de agir também em casos de hepatites e outros problemas hepáticos.

Previne o declínio cognitivo devido ao envelhecimento

A silimarina também pode auxiliar no tratamento de doenças como o Alzheimer e Parkinson.

Há indícios de que a silimarina pode ser capaz de reduzir o número de placas amiloides no cérebro de animais com doença de Alzheimer. Essas placas são aglomerados pegajosos de proteínas que se acumulam entre as células nervosas à medida que você envelhece. 

Elas estão presentes em grande número no cérebro de pessoas com doença de Alzheimer, o que significa que a silimarina poderia ser usada para ajudar a tratar essa condição difícil.

As funções antioxidantes e anti-inflamatórias presentes na planta também ajudam na  neuroproteção. Além disso, a silimarina auxilia na prevenção do estresse oxidativo. 

Quando o corpo está com baixos níveis de antioxidantes, ele fica incapaz de combater os efeitos nocivos dos radicais livres. É neste ponto que a silimarina atua, auxiliando inclusive na retardação da deterioração de algumas áreas do cérebro.

Boa para os ossos

Alguns estudos preliminares feitos em tubos de ensaio e com modelos animais, sugerem que a silimarina pode evitar a perda de minerais nos ossos. Assim, é possível que a substância ajude a prevenir doenças como a osteoporose. 

Melhora a saúde da pele

Há indícios que o aparecimento de acnes, principalmente em graus altos, é decorrente dos radicais livres. Desta forma, substâncias antioxidantes, como é o caso da silimarina, podem ser úteis no tratamento da condição.

Diminui o colesterol

Altos níveis de colesterol podem prejudicar muito a sua saúde e aumentar o risco de um derrame ou outras doenças cardiovasculares.

E o uso de substâncias com ação antioxidante pode ajudar a prevenir esses problemas de saúde. Uma vez que elas agem na proteção dos vasos sanguíneos contra a ação do estresse oxidativo e da formação de placas gordurosas.

Dados publicados em 2006 na revista Phytotherapy Research mostram a capacidade da silimarina de melhorar o metabolismo das lipoproteínas e consequentemente reduzir ou manter os níveis de colesterol baixos.

A silimarina também tem efeitos metabólicos de regulação celular e antioxidante, responsáveis pelos efeitos hepatoprotetores e hipolipemiantes.

Pode promover a perda de peso

Mais um dos benefícios da silimarina pode ser na contribuição para a perda de peso. Isso devido a seus efeitos nos níveis de açúcar e colesterol, além de suas propriedades antioxidantes.

Ajuda a aliviar sintomas da asma

A silimarina  também possui efeitos anti inflamatórios que podem amenizar os sintomas da asma, de acordo com uma pesquisa publicada no periódico Biochemical and Biophysical Research Communications.

Fortalece o sistema imunológico

Como possui um forte efeito antioxidante, a silimarina pode contribuir para o bom funcionamento do sistema imunológico, ajudando a evitar o aparecimento de reações exageradas, como é o caso das inflamações.

Há contraindicações para a Silimarina?

Apesar de ser um tratamento bastante seguro, seu uso é contraindicado para alguns grupos de pessoas, devido ao risco de reações adversas ou à falta de estudos. como:

  • Mulheres grávidas ou que estejam amamentando
  • Pessoas com alergia a qualquer um dos componentes da formulação
  • Crianças e adolescentes
  • Pessoas hipertensas.

Onde encontro a Silimarina?

Você pode inserir essa poderosa planta por meio das cápsulas do suplemento Efeom Silimarina. Que são compostas pelo pó da planta cardo mariano.

Adotar novos hábitos fará com que os resultados desse suplemento sejam ainda mais efetivos. Desta forma, o ideal é cuidar da alimentação e reduzir o consumo de açúcar, aliada a ingestão da Silimarina trazem efeitos totalmente benéficos para a saúde. 

Gostou do conteúdo? E quer ter acesso a mais materiais com informações sobre saúde? Continue acompanhando o nosso blog!

Notícias relacionadas