Job Content

10/01/2024

Com o envelhecimento, ocorrem também algumas mudanças no sistema imunológico, o qual é responsável por proteger o organismo contra doenças e infecções. Essas alterações podem torná-lo menos eficiente e aumentar o risco de desenvolvimento de doenças. 

Por isso, vamos entender melhor essas mudanças e as doenças associadas à senescência (envelhecimento) do sistema imune. Confira também as estratégias para fortalecer e rejuvenescer o sistema imunológico, com destaque para a contribuição das cápsulas LL1 nesse processo.

O que ocorre com o sistema imunológico com o envelhecimento?

Com o passar dos anos, o sistema imunológico pode sofrer algumas alterações, tais como redução na resposta imune. Com isso, pode se tornar menos responsivo e eficiente na identificação e eliminação de agentes infecciosos, como vírus, bactérias e fungos. 

Consequentemente, pode ocorrer também a diminuição da produção de células imunes, como linfócitos T e B. Esse fator pode diminuir com o envelhecimento, reduzindo a capacidade de defesa do organismo.

 

Além disso, com o envelhecimento a eficácia das vacinas pode diminuir, tornando os idosos mais suscetíveis a infecções para as quais foram vacinados anteriormente. 

Vale ressaltar também que com o envelhecimento ocorre um aumento na produção de substâncias inflamatórias no organismo, o que pode levar a um estado de inflamação crônica de baixo grau. 

Essa inflamação pode contribuir para o surgimento de doenças crônicas como hipertensão, diabetes tipo 2, entre outras.

Doenças relacionadas ao envelhecimento do sistema imunológico

O enfraquecimento do sistema imunológico com o envelhecimento pode aumentar o risco de desenvolvimento de diversas doenças, como infecções recorrentes, tornando idosos mais suscetíveis a infecções respiratórias, urinárias e cutâneas devido à redução da capacidade de resposta imune. 

Algumas doenças autoimunes como artrite reumatoide e lúpus também podem se manifestar ou piorar com o envelhecimento. Afinal, o sistema imunológico pode ter uma resposta desregulada. 

Além disso, a capacidade do sistema imunológico de identificar e destruir células cancerígenas pode diminuir com o envelhecimento, aumentando o risco de desenvolvimento de alguns tipos de câncer.

Como fortalecer e rejuvenescer o sistema imunológico?

Existem diversas estratégias que podem ajudar a fortalecer e rejuvenescer o sistema imunológico, incluindo hábitos como alimentação saudável. No entanto, uma alimentação equilibrada e nutritiva desempenha um papel fundamental na manutenção da saúde do mesmo. 

Alguns nutrientes que podem contribuir nesse processo incluem a ingestão de zinco presente nas cápsulas LL1. Vale destacar que o zinco é essencial para o funcionamento adequado do sistema imunológico e contribui para a renovação efetiva das células no mesmo. 

Já o magnésio das cápsulas LL1 desempenha um papel importante na prevenção da senescência do sistema imunológico. Ele está envolvido na ativação e função de várias células imunológicas, como linfócitos, macrófagos e células natural killer (NK). Sendo assim, modulando a inflamação crônica de baixo grau é um fator importante na senescência imunológica. 

O selênio encontrado nas cápsulas LL1 atua como um componente importante de várias enzimas antioxidantes, incluindo a glutationa peroxidase, que protege as células do estresse oxidativo que pode causar danos celulares e contribuir para o envelhecimento e a disfunção imunológica.

Além disso, a prática regular de exercícios físicos, de acordo com as capacidades individuais, pode fortalecer. Da mesma forma, estresse crônico pode enfraquecer o sistema imunológico. 

Portanto, é importante adotar técnicas de gerenciamento do estresse que proporcionem prazer e bem-estar. A qualidade e a quantidade adequada de sono também são essenciais para a recuperação do organismo e para a manutenção do sistema imunológico saudável. 

Conclusão

Em resumo, com o envelhecimento, ocorrem mudanças no sistema imunológico que podem aumentar o risco de desenvolvimento de doenças. No entanto, adotar estratégias como alimentação saudável, prática de atividade física regular, gerenciamento do estresse e sono adequado pode ajudar no processo de fortalecimento e rejuvenescimento. 

Portanto, garantir a ingestão adequada de minerais como zinco, magnésio e selênio por meio de suplementação com as cápsulas LL1, pode ajudar a prevenir a senescência do sistema imunológico. Com isso, promover uma melhor resposta imunológica e reduzir o risco de doenças relacionadas ao envelhecimento.

É importante ressaltar que, para obter orientações personalizadas sobre alimentação e estilo de vida para fortalecer a imunidade é recomendado buscar o acompanhamento de um profissional de saúde. Afinal, ele  poderá avaliar suas necessidades individuais e fornecer recomendações adequadas.

Fonte: Calder PC, Bosco N, Bourdet-Sicard R, Capuron L, Delzenne N, Doré J, Franceschi C, Lehtinen MJ, Recker T, Salvioli S, Visioli F. Health relevance of the modification of low grade inflammation in ageing (inflammageing) and the role of nutrition. Ageing Res Rev. 2017 Nov;40:95-119. doi: 10.1016/j.arr.2017.09.001. Epub 2017 Sep 9. PMID: 28899766.

Notícias relacionadas